Dicotomia entre os benefícios e malefícios da internet 

Segundo a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), as inovações tecnológicas têm o poder de levar os países para mais perto de uma prosperidade sustentável.

Essas novas tecnologias abalaram as estruturas das formas antigas de marketing e de viver. Assim, não só as empresas tradicionais, mas também os disruptores do passado sofrem com as aceleradas mudanças tecnológicas.  Por exemplo, podemos citar o iTunes que desestruturou as lojas de música físicas e depois ficou estremecido com o Spotify.

Além disso, durante as últimas décadas a tecnologia digital ajudou a desenvolver vários setores, podemos citar: 

SETORRECURSOS DISPONÍVEIS 
EconomiaComércio eletrônico
TransporteVeículos automatizados
EducaçãoCursos abertos on-line
SaúdeProntuários eletrônicos e medicina personalizada
Interação SocialRedes Sociais

Porém, apesar de trazerem avanços, essas tecnologias têm um lado negativo:

  • A automação do trabalho do conhecimento aumentou a produtividade, mas simultaneamente, trouxe temores de perda de emprego.
  • A impressão 3D abriu um mundo de possibilidades em termos de inovação rápida. No entanto, a impressão 3D pode ser usada impropriamente para a produção de armas .
  • A internet móvel trouxe a conectividade e acesso à informação , mas por outro lado, as pessoas estão mais desatentas. 
  • Em suma, a sensação de poder se conectar com uma rede maior, costuma inibir a capacidade de ser empático com pessoas próximas.

Ora, a internet é a ferramenta tecnológica intelectual com maior poder de absorver o indivíduo. Pois, desde que aconteceu a  diminuição dos computadores para formatos portáteis, ele parece está acoplado ao corpo dos usuários. Dessa maneira, a internet fez essa geração ser dependente dela e aos poucos está reconfigurando a mente humana.

Atualmente, existe uma angústia de viver off-line enquanto a internet oferece inúmeros atrativos. 

Enfim, o desafio feito aos profissionais de marketing digital, é , em primeiro lugar, criar uma nova abordagem e trabalhar para uma adaptação saudável à economia digital. Ou seja, o marketing 4.0 deve alavancar a conectividade máquina a máquina, melhorar a produtividade do marketing, mas ao mesmo tempo, impulsionar o fortalecimento das ligações pessoais.

Para mais textos acesse nosso blog !

Até logo!

Privacidade